Percepção de Riscos no Ambiente de Trabalho

Percepção de riscos

 Objetivo: 

 

Conceituar percepção e avaliação de riscos e tratar sobre como aprimorar as mesmas;
Conceituar cultura e comportamento frente ao risco e sua relação com a percepção e avaliação de riscos;
Discutir sobre armadilhas a evitar nas avaliações de riscos;
Aprimorar o uso de ferramentas de avaliação de riscos;
Assegurar que a força de trabalho tenha o pertencimento e apropriação do tema para prevenção de acidentes e doenças do trabalho;
Sugerir e apoiar um Programa Participativo de Segurança do Trabalho.

Conteúdo Programático:

MÓDULO 1 – CONCEITOS DE FORMAS DE PERCEPÇÃO DE RISCOS NO AMBIENTE DE TRABALHO:

Tópicos abordados neste módulo:

• Percepção e Aceitação do Risco, Conhecimento e Habilidades, Cumprimento com Normas e Regras;
• As bases do Comportamento Humano na Indústria.

MÓDULO 2 – CONHECER A ABORDAGEM APROPRIADA SOBRE A TRATATIVA DOS DESVIOS EM FUNÇÃO DA PERCEPÇÃO DE RISCOS NA INDÚSTRIA E COMO OS REQUISITOS REGULATÓRIOS:

Tópicos abordados neste módulo:

• Comportamento desejado como resultado da cultura organizacional e da Competência frente aos Riscos;
• Ações para elevar a percepção de riscos dos trabalhadores na indústria;
• As Normas de Gestão de QSMS e a necessidade de inclusão da mentalidade de risco;
• Conceitos de Perigos e Risco;
• Requisitos para Avaliação e Gestão de Riscos.

MÓDULO 3 – TRABALHAR AS FERRAMENTAS DE IDENTIFICAÇÃO PARA AUMENTAR A PERCEPÇÃO DE RISCOS:

Tópicos abordados neste módulo:

• O que não esquecer quando estiverem executando uma APP/APR – (Análise Preliminar de Riscos/Análise Preliminar de Perigos);
• Exercícios de Percepção de riscos com os participantes (dinâmica de grupo, análise de vídeos e fotos de equipamentos de sua rotina de operação, análise de desvios da indústria de atuação, análise de causas básicas e imediatas dos desvios em acidentes de trabalho em função de desvios).

MÓDULO 4 – DESENVOLVIMENTO DE MUDANÇA DE CULTURA E APRIMORAMENTO DOS PROCESSOS DE SAÚDE E SEGURANÇA:

 Tópicos abordados neste módulo:

• Exercícios de Percepção de riscos com os participantes;
• Medidas de Segurança e Campanhas de Seguranças focadas em percepção de riscos.

Instrutor:

RAMIRO GUEDES DO CARMO

  • Engenheiro de SSO e MA e Auditor Líder de QSMS, Especialista em Gestão de Riscos e em Ergonomia;
  • Profissional com 14 anos de experiência segmento de Qualidade e SMS atuando em segmentos distintos (Petróleo, Construção Civil, Mineração, Indústrias Diversas, Operações Aéreas Offshore, Metalurgia, etc), todos focados na qualidade dos processos, produtos e serviços, em gestão e satisfação dos clientes, bem como prevenção de acidentes e prevenção da poluição;
  • Possui experiência internacional em projeto de perfuração do poço de petroleiro mais profundo do mundo - recorde em águas profundas;
  • Atuante no SGI, NBR ISO 9001, NBR ISO 29001; NBR ISO 14001 e OHSAS 18001/ISO 45001, sendo auditor líder nas normas de SGI; 
  • No Petróleo, coordenou o desenvolveu programas de treinamento focados na busca da melhoria contínua de processos, programas e campanhas internas;
  • Sólido conhecimento de programas e rotinas operacionais em indústrias, idealizador do programa de desvio e prevenção reduzindo os acidentes à zero e programas de conscientização e redução de recursos naturais;
  • Experiente em programas de desenvolvimento de provedores críticos; 
  • Vasta experiência em regras de segurança industrial com o objetivo de apoiar a implementação da política de segurança;
  • Atualmente, atua como professor da Faculdade Integradas Silva e Souza (Unidade Catete e Tijuca para o curso de Pós graduação de Segurança e Saúde no trabalho e atuou com professor durante 5 anos no SENAC RIO - Unidade Campo Grande para formação de Técnicos de Segurança do Trabalho.
Carga Horária: 12 horas.